O Ensino Fundamental da Escola Estilo de Aprender dá continuidade e apresenta novas ideias no que se refere à concepção de educação para esse segmento. Propomos uma costura interessante com a Educação Infantil em relação às possibilidades relacionais entre professores-estudantes e estudantes-conceitos. Abrimos espaços para que diferentes culturas invadam e ampliem as relações entre as diferentes disciplinas. A ideia é possibilitar aos estudantes experiências significativas com os processos de pesquisas e estudos para que acessem diferentes formas de entender, significar, inventar e reinventar o mundo.

Levando em conta as múltiplas transformações vivenciadas pelos estudantes no que se refere à leitura, às relações estabelecidas com o mundo e por cada núcleo cultural do qual pertencem, elaboramos um ensino que procura compartilhar com o estudante a responsabilidade de suas produções e autorias de conhecimentos, oferecendo-lhe a possibilidade de, constantemente, relacionar diferentes conceitos, debater pontos de vistas, estabelecer trocas conceituais, explorar o mundo por meio de diferentes linguagens (artes, músicas, literaturas, danças, fotografias…), dentre outras ferramentas, alargando, assim, as posições especialistas impostas pelas disciplinas, tal como as conhecemos.

Nosso objetivo é formar estudantes que se impliquem com o conhecimento de maneira a produzirem outros saberes na relação entre o conteúdo aprendido e as suas vivências pessoais e/ou coletivas. Consideramos fundamental a relação entre as áreas de conhecimento estabelecidas pela Escola para que a produção conceitual não se limite ou se engesse apenas à sala de aula. A Escola passa a ter parceiros de trabalho. Seu espaço se amplia para espaços externos (casa, parques, museus, ruas etc.), e procuramos envolver outros sujeitos nesse caminho (familiares, amigos, vizinhos, artistas, personagens etc.). A educação, assim, ganha novos ares e um sentido circulante. Ganha emoção, ganha envolvimento, cores e movimento.

A expressão é a fonte do nosso trabalho: gestos, sons, silêncios, palavras, letras, números, textos, abraços, risos, choros são meios/caminhos de conhecermos e de nos implicarmos com o mundo que nos cerca. Dessa forma, qualquer atividade experienciada na Escola não se restringe a uma ação isolada. Comunicação torna-se afeto à medida que alguém é afetado por ela. E, para entender melhor como organizamos os conteúdos e práticas para o Fundamental, estruturamos um currículo que se orienta pelos seguintes tópicos: • Estruturas e Literaturas da Língua Portuguesa • Matemáticas • Histórias • Geografias • Ciências • Expressões Plásticas (desenho, pintura, recorte, marcenaria, cerâmica, gravura) • Expressões Musicais (repertório, instrumentos, canto, brincadeiras) • Corpos e seus Movimentos (expressões corporais, danças brasileiras e capoeira).

O horário de funcionamento da Escola é das 7h às 19h.
Seguem abaixo os horários de entrada e saída dos nossos estudantes:
…do Ensino Fundamental:
Vespertino: das 13h00 às 17h30
Matutino: das 7h30 às 12h00

A Estilo oferece a possibilidade de compormos um período integral, caso seja a necessidade da família. Quer saber mais? É só nos procurar para conversarmos!

UMA EDUCAÇÃO… UM ESPAÇO… CONCEITOS

Cada espaço, cada material, atividade, intervenção e postura são pensados para oferecer a oportunidade de reflexão e de provocar experiências, que são particulares e intransferíveis e que permanecem por toda a vida.

Para atender às demandas dos estudantes, a Escola pensou em espaços amplos e equipados. Assim, os estudantes podem criar uma postura questionadora a partir de pesquisas autônomas e orientadas. Podem se relacionar com os espaços de forma organizada e prazerosa, interferir no mesmo imprimindo suas questões e sua forma de ser e de se socializar com os colegas livremente, não somente pelas diversas situações de comunicação oral, mas também pelas outras linguagens, sejam elas plásticas, musicais ou corporais. As áreas do conhecimento que trabalhamos procuram ampliar as relações culturais. Não queremos que o jovem passe por aqui apenas como aluno.

O aprendizado não dura somente o período escolar, vai além dele. Ensinar e desafiar o jovem para que construa uma postura crítica frente ao que se depara. Fazer com que encontre e crie recursos para interferir em seu meio, tornando-se sujeito de suas ações. Os conceitos trabalhados durante seu percurso no Ensino Fundamental são norteadores para que essa postura crítica seja construída. Dessa forma, sua relação com o saber se torna mais duradoura e criativa. Entendemos espaços de aprendizagem como todo e qualquer espaço que possa ser interferido, seja com um olhar ou com uma ação. Pensar na organização desse tempo-espaço e em sua possibilidade formativa é mais uma ferramenta importante que a Escola adota como desafio. Contamos com amplas salas de aula que permitem aos nossos estudantes uma outra forma de se relacionar com os colegas e com os saberes.

Dentro de um espaço arejado e bem iluminado, organizamos nosso tempo por meio de diversos “cantos” e temas de trabalho que ganham forma a partir de produções individualizadas e coletivas. Nossos instrumentos de multimídia são muito importantes nesse processo porque enriquecem ainda mais as vivências escolares dos nossos estudantes. Dentro da sala de aula do Ensino Fundamental da Estilo de Aprender, contamos com diversos espaços ambientes, além de espaços externos distribuídos pela Escola.